Amigos! Eis aqui o dos olhos de mel! O Poeta!
.MJoão Sousa

Cria o teu cartão de visita
Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008
RUGA

 

                                                         Memorando Álvaro Pinto.

                                                         A João Castro Osório.

 

Eu não me sei: ando a enganar a vida

e  sou de amor ao luar desta negaça!

(Mesmo na voz de uma canção perdida

cabe um indício da divina graça.)

 

Mas não deites mais sonho, mão de Deus!

no vago deste velho coração.

Quero certeza como luz dos céus

e diga meu destino sim ou não.

 

(Cabelos brancos dão negra colheita

à fome que subiu de há tantos anos.)

 

- Peregrino de sombras e de enganos,

porque pedes verdade a padres-nossos

no deserto de gelo dos teus ossos?

 

 

In "Livro de Bordo", 2º edição, 1957

 

Imagem retirada da internet

 

 


sinto-me:

publicado por poetaporkedeusker às 00:16
link do post | COMENTE, POR FAVOR... | favorito
|

16 comentários:
De Peter a 26 de Novembro de 2008 às 12:33
pois é isto mesmo, comungo.o avô era um artista, um poeta. ciao m joão. bacio.


De poetaporkedeusker a 26 de Novembro de 2008 às 13:16
Bacio , Peter. E eu que estou ainda a tentar ser poeta, descubro, a cada dia que passa, que sou muito, muito parecida com ele.


De TiBéu ( Isa) a 26 de Novembro de 2008 às 15:01
Adorei.


De poetaporkedeusker a 26 de Novembro de 2008 às 15:45
Obrigada Tibéu. Para mim ele era um grande Poeta, eu sou mesmo muito pequenina ao pé dele. E é bom que assim seja, ele ja teve tempo de "crescer" mais do que eu, a sua poesia já tem um lugarzinho no Modernismo Português e eu estou muito, muito feliz por isso.
Se calhar vou ser menos assídua a este blog durante uns dias, mas assim que acalmarem os meus afazeres, volto a postar com regularidade.
Abraço grande.


De Fisga a 26 de Novembro de 2008 às 16:08
Olá Amigapoetaporquedeusquer . Mais um bonito poema, embora num estilo diferente do habitual. Mas nem por isso é menos bonito. Um abraço Eduardo.


De poetaporkedeusker a 26 de Novembro de 2008 às 22:05
Por esta altura tinha ele 57 anos, Eduardo... e sentia-se um velho. Mais uns anitos, poucos, e deixará de sair de casa, de conviver (senão em casa) e até de escrever algo que não fosse um ou outro poema de gaveta. A partir de 1963 reformou-se da vida no mundo e passou a viver no interior de si mesmo, abrindo excepção para um ou outro amigo que o fosse visitar, os seus gatos e eu. A partir desse ano irá ter AVCs atrás de AVCs, dos quais irá saindo cada vez mais amargo e desiludido.
Abraço grande.


De Fisga a 27 de Novembro de 2008 às 21:15
Resultado: Já não bastava a vida de eremita que ele levava, senão ainda os a b cês. Realmente para morrer, não era preciso sofrer tanto. Um Abraço. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 27 de Novembro de 2008 às 21:38
Mas ele aguentou-se vivo. Ou semi-vivo. A chama é que se apagou cedo.
Um abraço grande.


De Fisga a 28 de Novembro de 2008 às 19:02
Olá Amiga João: Quando se apaga a chama, apaga-se tudo o que justifica a nossa existência. Embora nós nunca queiramos isso para os nossos entes queridos.
Olha amiga, tu deves dar conta de que eu não respondo a todas as tuas respostas, mas deves compreender, Fica muito pesado para mim desculpa. Um abraço e bom fim de semana. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 28 de Novembro de 2008 às 22:39
Amigo, eu não levo mesmo nada a mal! Só espero que tu compreendas que, nos próximos dois ou três dias também não vou ter tempo para visitar ninguém, porque tenho mesmo de terminar um trabalho urgente que tenho em mãos.
Abraço grande.


De Fisga a 29 de Novembro de 2008 às 11:17
Olá Maria João. Eu ficaria em cuidado, se não dissesses nada, assim já sei. Eu no dia 1 e até ao dia 8 também vou estar ausente. vou para as Caldas da Rainha, porque tenho lá um netinho que foi operado à pilinha e não pode ir para o infantário naquela semana. e como a mãe tem que trabalhar eu vou estar lá a fazer de bebiciter. só depois vamos tornar a falar. Um bom Sábado e tudo de bom para ti amiga. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 29 de Novembro de 2008 às 14:46
Recado recebido, Eduardo, obrigada pelo teu cuidado!Sabes que eu estou sempre preocupada em dizer-vos o que ando a fazer, porque me preocupo mesmo quando noto a vossa ausência e imagino que alguns de vós também possam pensar que eu, como tenho estas maleitas esquisitíssimas, possa ter tido um "treco" qualquer... não vos quero preocupar.
As melhoras do teu netinho. Essas cirurgias são muito simples, não ustam nad, mas para uma criança é sempre complicado porque eles não gostam nada de fugir às suas rotinas, às suas brincadeiras. O meu sobrinho também foi submetido a uma dessas cirurgias, há 20 anos atrás, e ficou "fino" num instantinho!
Abraço grande!


De Fisga a 30 de Novembro de 2008 às 17:48
Obrigado amiga pelo apoio. Mas ele tinha umas complicações esquesitas, teve que levar 12 pontos, encuanto há casos que não levam pontos. De qualquer modo esperamos que vá correndo bemm Um grande abraço e tudo de bom para ti até de hoje a 8 dias. Eu logo que chegue dou notícias. Eduardo.



De poetaporkedeusker a 30 de Novembro de 2008 às 21:02
Não te preocupes tanto, amigo! Deve ser um caso semelhante ao do meu sobrinho que tinha um testículo "incluso", isto é, no abdomen, por isso a cirurgia foi um pouco mais demorada. Mas esta miudagem é rija! Põem-se bons num instantinho!
Um bom feriado para ti e o teu netinho!


De Fisga a 30 de Novembro de 2008 às 22:02
Obrigado amiga pela tua preocupação. esperamos que passe rápido. se tudo continuar a correr bem. Uma boa noite e bom descanso. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 1 de Dezembro de 2008 às 00:28
Bom descanso, amigo.


Comentar post

mais sobre mim
passando as folhas do livro...
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

COLECTÂNEA FÉNIX -

DUALIDADE

FLOR DO CÉU

ANTÓNIO DE SOUSA E NATÁLI...

Colectânea António de Sou...

arquivos

Outubro 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Novembro 2016

Junho 2014

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

tags

todas as tags

favoritos

GLOSANDO A POETISA MARIA...

CONVERSANDO COM MARIA DA ...

É a arte, solidão?

SO(LAS)

“A Linha de Cascais Está ...

CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

Our story in 2 minutes

«A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

Novidades a 13 de Dezembr...

LIMPAR PORTUGAL

links
as minhas memórias
subscrever feeds