Amigos! Eis aqui o dos olhos de mel! O Poeta!
.MJoão Sousa

Cria o teu cartão de visita
Quinta-feira, 28 de Janeiro de 2010
LENDA DO PATO BRAVO

 

Pato bravo.jpg

 

Voa no céu

- tão alto! -

um pato bravo

e a onda do seu grito

rola no sangue vivo do poente:

 

"Suam-me versos estas noites velhas

que me descem dos olhos,

lá do fundo,

onde é, talvez, o coração que vê.

 

Digo ao que vem á frente dessas horas.

- aqui viver ou morrer,

mas devagar!

E grito o meu orgulho a sete luas mortas...

 

Depois, gran-duque e senhor

e rei de um reino de pedir às portas,

choro

e esmolo o pão de vida

aos que de vida  vão fartos.

 

E peço o amor a algum beijo

gasto, cansado, caído,

que ia a destino e me bateu na boca.

 

- Há por aí farrapo pra vender?

 

Sou o dos olhos de mel...

Sou o menino dos luares doridos

que esteve nove meses de joelhos

a rezar o seu medo de nascer."

 

Voa no céu,

tão alto,

um pato bravo,

agora, no silêncio

do deserto e das almas que se fecham.

 

O vento servo dos deuses,

certeiro o gume da faca,

mete-lhe o vôo entre fatias de ar:

um "hors d`oeuvre" de apetite

para os papões demiurgos

dos caminhos para SER.

 

- Pronto! Passou!

Prossiga esse banquete!

 

O guisado de sóis vem para a mesa.

Continua o roer da Eternidade.

 

António de Sousa

 

 

In "Sete Luas",  Editorial Inquérito

Lisboa, 1954.


sinto-me:

publicado por poetaporkedeusker às 13:14
link do post | COMENTE, POR FAVOR... | favorito
|

10 comentários:
De Fisga a 30 de Janeiro de 2010 às 09:24
Olá amiga Maria João. Parabéns pela lenda do pato bravo. ri-me sozinho, porque já ouvi várias lendas do pato bravo, e ainda não tinha ouvido esta. mas diga-se em abono da verdade, que nunca tinha ouvido a lenda do pato bravo, em poesia. esta é mais doce, que as outras que eu ouvi antes. gostei e adicionei aos meus favoritos. obrigado. aceita um grande abraço deste amigo, que não se esquece de ti. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 1 de Fevereiro de 2010 às 11:59
Meu amigo Eduardo! Obrigada por estares sempre presente aqui, no blog do poeta António de Sousa!
Lembrei-me muito de ti durante o fim de semana... lembras-te da D. Isa? Pois a desgraçadinha está com uma gripalhada de caixão à cova! Não sai há quatro dias, mas eu fui até lá a casa e ela perguntou se estavas melhor. Claro que eu disse que sim... agora é ela que está mais atrapalhadota, coitada. Não sei se é A, E, I, O ou U, mas sei que é daquelas bem fortes!
Um grande abraço para ti!


De Fisga a 4 de Fevereiro de 2010 às 10:34
Olha minha querida amiga Maria João. Lembro-me muito bem da Sra. foi aquela Sra. que te acompanhou cá abaixo, à esplanada, junto aos autocarros. Coitada da Sra. olha amiguinha, quando estiveres com ela diz-lhe que eu lamento muito, e que lhe desejo as rápidas melhoras. Um abraço para ti e outro para a dona Isa. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 4 de Fevereiro de 2010 às 11:16
Será entregue, amigo! Ela já está melhor, mas esteve ali uns dias bem atrapalhada... e vacinou-se, vê lá tu! Mas que foi daquelas bem fortes, foi! Houve um dia em que tive de ir a correr a casa dela levar uma bomba antiasmática porque ela já mal conseguia respirar!
Abraço grande!


De Fisga a 10 de Fevereiro de 2010 às 11:09
OLÁ MINHA QUERIDA E SAUDOSA AMIGA JOÃO. FAZES MUITO BEM EM AJUDAR A SRA. HOJE POR ELA, AMANHÃ POR TI. TEMOS QUE SER UNS PARA OS OUTROS. ACEITA UM GRANDE ABRAÇO DESTE TEU AMIGO DO CORAÇÃO. EDUARDO.


De poetaporkedeusker a 10 de Fevereiro de 2010 às 16:02
A D. Isa já está boa e manda-te, também, muitos cumprimentos. E tu, como vais, meu amigo? Espero que estejas a 100%!
Um grande abraço!


De Fisga a 17 de Fevereiro de 2010 às 19:02
Olá minha querida amiga mMaria João. feliz ficava eu se conseguisse voltar a estar a 50% do que eu já fui, mas tenho as esperanças perdidas. vou andando, como todos os que ainda cá estão na minha idade, mas vou muito de vagar, verdade se diga que eu também não tenho pressa. um grande abraço para ti minha amiga João. e tudo de bom. É o desejo deste amigo Eduardo.


De poetaporkedeusker a 18 de Fevereiro de 2010 às 10:47
Ora ainda bem que não tens pressa! :) Essa coisa da idade é que não "encaixa" lá muito bem... acreditas que eu tenho uma nova amiga, uma senhora de 92 anos, que bate aos pontos muita gente nova? E andar?! Anda ali com um despacho que eu fico espantada!
Olha, amigo, eu já devia ter saído para ir ao dentista, não me posso demorar nada... mas vou tentar voltar à tardinha!
Um abraço GDE!


De Fisga a 20 de Fevereiro de 2010 às 11:29
Olá minha querida amiga Maria João. Eu fico feliz por ti. Pela tua persistência, mas não te guies pela tua nova amiga, porque cada caso é um caso. e agradeço-te que não te atrases na ida ao médico, só para responderes a mais um comentário. olha para mim, eu ando com um atraso descomunal, mas é assim mesmo, a minha música agora é muito lenta, por isso tenho que dançar muito de vagar. Um abraço deste amigo. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 22 de Fevereiro de 2010 às 10:49
Dança devagarinho e não te preocupes com as respostas e perguntas, amigo. As precipitações só podem fazer-te mal.
Um enorme abraço!


Comentar post

mais sobre mim
passando as folhas do livro...
 
Fevereiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28


posts recentes

DUALIDADE

FLOR DO CÉU

ANTÓNIO DE SOUSA E NATÁLI...

Colectânea António de Sou...

NA PARTIDA DO POETA

arquivos

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Novembro 2016

Junho 2014

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

tags

todas as tags

favoritos

CONVERSANDO COM MARIA DA ...

É a arte, solidão?

SO(LAS)

“A Linha de Cascais Está ...

CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

Our story in 2 minutes

«A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

Novidades a 13 de Dezembr...

LIMPAR PORTUGAL

Ler dos outros... (cróni...

links
as minhas memórias
subscrever feeds