Amigos! Eis aqui o dos olhos de mel! O Poeta!
.MJoão Sousa

Cria o teu cartão de visita
Domingo, 21 de Setembro de 2008
ABRAÇO DE COMETA!

 

Olá avô! Pelo sim, pelo não, venho deixar-te o meu abraço de cometa.

O "nosso" abraço de cometa.

Pode ser que ainda venha publicar mais alguns poemas dos teus livros, mas também pode acontecer que o não possa fazer. Pode ser que volte mais tarde. Não sei quando. Nunca sei quando...

Às vezes sou um bocadinho amarga, como tu, mas tu sabes que, de uma maneira geral, procuro manter-me em contacto com o mundo. Nem sempre é fácil e, por vezes, é mesmo impossível. Aos poemas, a esses não os largo! Nos cadernos, nas paredes, se não houver dinheiro nem para papel, mas esses irão continuar! Comigo. Connosco. Como o fio-de-prumo da nossa vida. Abraço de cometa!

 

 


sinto-me:

publicado por poetaporkedeusker às 14:23
link do post | COMENTE, POR FAVOR... | favorito

6 comentários:
De Fisga a 21 de Setembro de 2008 às 17:49
Olá amiga Poetisa. Maria João. Nem o mau funcionamento do maldito sapo, te impede de continuares a prestar homenagem ao teu ídolo. Parabéns por isso. Eu agora também estou a passar muito mal no que respeita ao sapo, acho que ele embirrou comigo também. Agora por vezes já nem anónimo me mecha publicar. Desejo-te muita força para cumprires a promessa feita. Um grande abraço. Deste amigo Eduardo.


De poetaporkedeusker a 21 de Setembro de 2008 às 21:58
Comigo o pior é mesmo a caixa de correio que só abre quando muito bem lhe apetece. Em relação a ti, olha, nem sei que te diga! Espero estar mesmo a falar contigo, porque já houve quem se fizesse passar por ti. Se for com outra pessoa, paciência, tu irás ler-me (penso eu) de qualquer maneira porque o comentário fica registado.
Um abraço.


De Fisga a 22 de Setembro de 2008 às 20:05
Agora é que eu fiquei a falar sozinho. Houve quem se fizesse passar por mim? Olha amiga eu já sabia que há muita falta de vergonha, mas assim tanta só acredito porque tu me dizes. Se ainda tiveres tempo em termos de net. Agradeço que me expliques isso com mais detalhe. Um abraço. Eduardo


De poetaporkedeusker a 23 de Setembro de 2008 às 01:21
Olha Eduardo, esquece! Há momentos em que eu não sei bem se foi a blogosfera (quase inteira) que enlouqueceu ou se fui eu mesma... já duvidei da minha sanidade mental muito mais vezes nos últimos meses do que durante o resto da minha vida. Pareceu-me que alguém se estava a fazer passar por ti e já aprendi que isso acontece muito nos blogs, mas no estado de cansaço em que hoje estou, nem sequer estou muito segura do que te disse. Ou pode ser verdade, mas ser uma situação pontual.
Hoje não te consigo explicar melhor do que isto. Só sei que essas coisas se podem fazer.


De Fisga a 23 de Setembro de 2008 às 12:07
Sim Amiga essas coisas acontecem. Mas não te preocupes com isso, que tudo se vai esclarecer. E não duvides da tua sanidade. Tu tens que ser a ultima a deixar de acreditar em ti. Para duvidar de ti estão os que não têm mais com que se entreter. Um abraço e um queijo Lá xima. Eduardo.


De poetaporkedeusker a 24 de Setembro de 2008 às 14:20
Um queixo lá de xima da Xerra também para ti! :))


Comentar post

mais sobre mim
passando as folhas do livro...
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

COLECTÂNEA FÉNIX -

DUALIDADE

FLOR DO CÉU

ANTÓNIO DE SOUSA E NATÁLI...

Colectânea António de Sou...

arquivos

Outubro 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Novembro 2016

Junho 2014

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

tags

todas as tags

favoritos

Pai

À luz da lua

GLOSANDO A POETISA MARIA...

CONVERSANDO COM MARIA DA ...

É a arte, solidão?

SO(LAS)

“A Linha de Cascais Está ...

CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

Our story in 2 minutes

«A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

links
subscrever feeds